Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
9/10/14 às 21h30 - Atualizado em 29/10/18 às 11h56

Economia do DF cresce 1,3%

O Índice de Desempenho Econômico do Distrito Federal (IDECON/DF) foi divulgado pela Codeplan na tarde de hoje (09/10). O estudo apontou que, pelo segundo trimestre consecutivo, a atividade econômica do Distrito Federal teve um desempenho superior à média nacional.

Os dados foram apresentados pela coordenadora do Núcleo de Contas Regionais da Codeplan Sandra Regina. A pesquisa indicou que Brasília teve um crescimento de 1,3%, acima da variação do PIB brasileiro estimado pelo IBGE, que registrou uma queda de 0,9%. Os números são relativos ao 2º trimestre de 2014 comparados com o mesmo período do ano anterior.

O Presidente da Codeplan Júlio Miragaya afirmou que o alto índice do Distrito Federal foi influenciado, mais uma vez, pelo bom desempenho das atividades do setor público (1,8%). Ele também destacou as atividades agropecuárias, que tiveram um aumento expressivo (24,5%), todavia o impacto sobre o índice geral é baixo devido ao seu pequeno peso dentro da estrutura produtiva local.

Por outro lado, o comércio e a indústria tiveram queda de 2% e 1,2%, respectivamente. As atividades industriais foram prejudicadas pela desaceleração do setor da construção civil (-4,5%). A pesquisa aponta que essa queda de desempenho do setor é uma tendência nacional.

O gerente da base de dados da Codeplan Jusçanio Souza disse ser necessário diversificar a matriz produtiva do Distrito Federal, que ainda é muito atrelada à administração pública. Em concordância com essa avaliação, o Secretário Adjunto da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Carlos César Paiva afirmou que a solução para a economia da Capital Federal é atrair novos empreendimentos para a região, dos mais diversos setores produtivos.

Paiva abordou a necessidade de adequar a infraestrutura para atender esses investidores. Ele ainda destacou que Brasília tem espaço e está situada em uma localização estratégica para a logística nacional, fatores que podem servir de atrativos para novos empreendedores. A região metropolitana de Brasília também foi citada como região potencial para abrigar esses tipos de investimento, beneficiando toda a economia do Distrito Federal e de sua área adjacente.

Confira aqui o estudo.


Texto: Júlio Poloni
Foto: Mauro Moncaio

CODEPLAN - Governo do Distrito Federal

Companhia de Planejamento do Distrito Federal

Setor de Administração Municipal - SAM, Bloco H, Setores Complementares - CEP: 70.620-080 - codeplan@codeplan.df.gov.br