Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
29/07/13 às 13h46 - Atualizado em 29/10/18 às 11h50

PDAD destaca infraestrutura domiciliar e urbana da Candangolândia

A boa infraestrutura domiciliar e urbana da Candangolândia é o destaque positivo da Pesquisa Distrital por Amostra de Domícilios 2013 (PDAD), apresentada na manhã de hoje, 26 de julho. Quase todos os moradores contam com serviços básicos, como água, energia elétrica, coleta de lixo e ruas asfaltadas, de acordo com a Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan), responsável pelo estudo.

Os resultados foram comentados pelo presidente da instituição, Júlio Miragaya e pela economista Iraci Peixoto, também da Companhia, com a chefe de Assessoria de Planejamento e Ordenamento Territorial da Candangolândia, Maria Helena. A região foi caracterizada como “típica cidade território”.

A maioria de domicílios recebem água e energia elétrica. São cerca de 0,2% de casas que têm acesso a água por cisterna e 99,79% pela rede geral. Já os números referentes a abastecimento de eletricidade são 99,17% pela rede e 0,83% por gambiarras. Sobre esgoto e coleta de lixo, os resultados também ultrapassam 90%. Aproximadamente 96% contam com esgoto pela rede geral e quase 4% utilizam a fossa séptica ou rudimentar. Na cidade, a coleta de lixo é realizada pelo Serviço de Limpeza Urbana (SLU) em 98,96% das casas.

Do total de 4.592 domicílios urbanos estimados pela análise, 98% possuem rua asfaltada, 97% têm calçada, meio-fio e iluminação pública, e 93%, rede de água pluvial. “Todas as nossas atividades são voltadas para a melhoria da qualidade de vida na cidade”, afirmou Maria Helena, ressaltando a presença de áreas de preservação, parques e praças presentes na região, além da restauração da Igreja de São José Operário, primeira igreja do Distrito Federal e da escola Júlia Kubitschek, também a primeira do DF.

Trabalham na própria Candangolândia apenas 18,15% de seus 7.118 trabalhadores (51,74% no Plano Piloto e 8,06% no Guará e Núcleo Bandeirante). Estudam nela apenas 52,6% de seus 4.822 estudantes (38,4% no Plano Piloto). Candangolândia não possui hospital, portanto, 64,33% de seus moradores recorrem aos hospitais do Plano Piloto e 30,57% aos hospitais do Guará e Núcleo Bandeirante.

Também em relação aos locais de compras a que os moradores recorrem, as aquisições em produtos alimentícios e serviços em geral e pessoais são majoritariamente feitas na própria RA, embora quase 40% sejam realizadas em outras RAs, notadamente no Plano Piloto, Guará e Núcleo Bandeirante.

Já as compras de eletrodomésticos e de roupas e calçados giram em torno de apenas 35%, predominando as aquisições nessas três RAs vizinhas.

Para o presidente da Codeplan, o fato de a Candangolândia ser bastante próxima de outras Regiões Administrativas mais desenvolvidas está relacionado a esses resultados. “Em termos de infraestrutura, é uma cidade pronta. Eu diria que é um bom local de moradia”, disse Miragaya.

Texto: Marla Marçal
Foto: Ana Lúcia B. Soares

CODEPLAN - Governo do Distrito Federal

Companhia de Planejamento do Distrito Federal

Setor de Administração Municipal - SAM, Bloco H, Setores Complementares - CEP: 70.620-080 - codeplan@codeplan.df.gov.br