Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
27/06/14 às 20h51 - Atualizado em 29/10/18 às 11h50

PDAD revela bons índices no Park Way

A Região Administrativa do Park Way foi a 26ª a ser analisada pela PDAD (Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios). O estudo revelou a qualidade de vida da população, que apresentou ótimos índices de infraestrutura, escolaridade e renda.

O Presidente da Codeplan, Júlio Miragaya, destacou os índices de renda e educação, que evidenciam a alta qualidade de vida na Região. A população está estimada em 19.759 habitantes. Mais da metade, 54,06%, possuem curso superior completo, enquanto o número de analfabetos é bastante baixo, 0,86%. A renda domiciliar é a mais alta entre as RAs já pesquisadas, R$17.725,98. Os domicílios com renda superior a 20 salários mínimos são maioria, representam 54,57% dos 5.413 totais.

Cerca de 96% dos domicílios possuem pelo menos um automóvel, fator explicado pela alta renda da população. Outro número expressivo é o de bicicletas, presentes em 38% das residências. A boa infraestrutura de ciclovias pode contribuir para o alto percentual.

O abastecimento de água e energia elétrica estão praticamente universalizados. O dado mais preocupante da pesquisa está relacionado ao saneamento, visto que apenas 16,37% utilizam a rede geral, enquanto 73,10% drenam seus esgotos em fossas sépticas e 10,31% em fossa rudimentar.

Apenas 1,95% dos alunos da RA estudam na própria Região, enquanto 61,37% se deslocam para o Plano Piloto e 36,68% para outras regiões. Somente 10,48% dos moradores trabalham no própria RA. As aquisições de bens e serviços são realizadas predominantemente no Plano Piloto, com destaque para a área de Cultura e Lazer (75,80%), Serviços Gerais (63,03%) e Serviços Pessoais (61,44%). O comércio no Park Way é inexpressivo.

Para Iraci Peixoto, Economista da Codeplan, esses dados que apresentam forte dependência de outras regiões geralmente são tidos como negativos. Todavia, para a população do Park Way é uma virtude da Região, pois fazem do local um setor completamente residencial, o que proporciona tranquilidade para os moradores. O Diretor de Estudos e Pesquisas Socioeconômicas da Codeplan, Jusçanio Souza, ressaltou algumas peculiaridades do Park Way, como a baixa densidade demográfica e a área territorial descontínua.

Ivete Alves, representante da Administração do Park Way, esteve presente ao evento e respondeu questionamentos do público presente. Ela explicou a organização administrativa da RA e sanou dúvidas em relação a alguns problemas atuais da Região, como o sistema de drenagem de águas pluviais. Alves também debateu sobre as consequências de grandes projetos como o Expresso DF, que já está em fase de conclusão e irá beneficiar a população e os trabalhadores do Park Way.

Confira o estudo completo aqui.

Texto: Júlio Poloni
Foto: Mauro Moncaio

CODEPLAN - Governo do Distrito Federal

Companhia de Planejamento do Distrito Federal

Setor de Administração Municipal - SAM, Bloco H, Setores Complementares - CEP: 70.620-080 - codeplan@codeplan.df.gov.br