Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
27/02/13 às 21h18 - Atualizado em 29/10/18 às 11h49

Pesquisa de Emprego e Desemprego é divulgada hoje

Codeplan, Dieese e Secretaria de Trabalho apresentam resultados referentes a janeiro de 2013

A Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED), referente a janeiro de 2013, foi divulgada hoje (27.2), às 10 horas, na Confederação Nacional dos Trabalhadores de Turismo, pelo Departamento Intersindical de Estudos Socioeconômicos (Dieese), a Secretaria de Estado de Trabalho do DF e a Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan).

Apesar do nível ocupacional apresentar uma redução de 20 mil postos de trabalho, com o contingente de ocupados estimado em 1.284 mil pessoas, esse panorama foi atenuado pelo crescimento do número de ocupados no setor de Comércio e Reparação de Veículos que absorveu 2 mil pessoas.

A pesquisa revelou que a taxa de desemprego total no Distrito Federal aumentou, passando de 11,1%, em dezembro de 2012, para 12, 0%, em janeiro de 2013, sendo que a população desempregada no mês de janeiro foi de 175 mil pessoas.

“Com relação à taxa de desemprego, houve queda mais acentuada, principalmente no setor público, em função dos contratos temporários. Nos últimos dois anos, foram gerados quase cem mil empregos”, afirmou Júlio Miragaya, presidente da Codeplan.

Conhecer as ações que estão sendo desenvolvidas e saber qual o caminho a seguir é a preocupação da Secretaria de Trabalho com a geração de empregos. Uma das alternativas seria o empreendedorismo segundo o Subsecretário de Microcrédito e Empreendedorismo, Max Brito Coelho.

Para o Subsecretário, no DF existem alguns cargos que não são preenchidos por falta de qualificação. “Mas, ao longo dos últimos anos, com exceção de dezembro do ano passado, vem ocorrendo uma queda no desemprego. Esse fenômeno provavelmente seja em decorrência da presença de pessoal mais qualificado para atender o mercado”, concluiu Coelho.

Também foram observados aumento na taxa de desemprego aberto, que passou de 8,5% para 9,2% e relativa estabilidade na taxa de desemprego oculto, de 2,6% para 2,8%. “Mesmo sabendo que janeiro é um mês em que ocorre grande número de desemprego, demissões, houve uma redução na taxa de procura por empregos, passando de 43 para 39 semanas”, disse Clóvis Scherer, Supervisor do Escritório Regional do DF do DIEESE.

Veja a íntegra da pesquisa

 

Texto: Eliane Menezes
Fotos: Toninho Leite

CODEPLAN - Governo do Distrito Federal

Companhia de Planejamento do Distrito Federal

Setor de Administração Municipal - SAM, Bloco H, Setores Complementares - CEP: 70.620-080 - codeplan@codeplan.df.gov.br