Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
22/03/18 às 15h30 - Atualizado em 29/10/18 às 12h14

Salário mínimo

Júlio Miragaya – Presidente da Codeplan / DF e Conselheiro do Conselho Federal de Economia

 

O Brasil vem, desde 2003, promovendo uma substantiva redução na extremamente desigual distribuição social da renda e tem sido um dos poucos países do mundo a promover a distribuição da renda. Estudo da OCDE revela que até a Suécia, antiga campeã da igualdade social, vem, desde 2006, sob a coalisão de centro-direita, aumentando o fosso entre ricos e pobres, de forma que o percentual de pobres saltou de 4% para os atuais 9%.

Segundo o Ipea, mais que o próprio Programa Bolsa Família, o maior responsável pelo avanço na distribuição da renda tem sido a Política de Valorização do Salário Mínimo e a formalização das relações de trabalho. Segundo o Dieese, os aumentos reais concedidos ao salário mínimo no Brasil beneficiam 48 milhões de pessoas com rendimentos diretamente atrelados ao benefício.

Ocorre que essa política encontra-se sob ataque dos economistas liberais, de analistas do mercado financeiro, da grande mídia, enfim, da burguesia que, ao questioná-la e exigir sua supressão, buscam a ampliação da participação dos lucros e juros na renda nacional. Esses setores mentem descaradamente não só ao dizerem que o País tem hoje uma inflação fora de controle, “esquecendo-se que, em média, no Governo FHC ela era 60% superior, mas também ao apontar a Política de Valorização do Salário Mínimo como a maior responsável pela inflação, outra mentira deslavada, pois sabemos que a inflação decorre da especulação financeira, dos lucros exorbitantes de alguns segmentos oligopolizados e dos juros extorsivos que incidem sobre investimento e consumo.

O Governo Federal deve refutar as pressões e manter a Política de Valorização do Salário Mínimo, mas, para tanto, torna-se necessário o apoio e a ampla mobilização do movimento sindical, dos sindicatos e das centrais sindicais autênticas, excluindo, naturalmente, os pelegos travestidos de sindicalistas.

 

Jornal de Brasília,22.05.2014

CODEPLAN - Governo do Distrito Federal

Companhia de Planejamento do Distrito Federal

Setor de Administração Municipal - SAM, Bloco H, Setores Complementares - CEP: 70.620-080 - codeplan@codeplan.df.gov.br