Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/09/14 às 22h03 - Atualizado em 29/10/18 às 11h47

SIA, uma região peculiar

A 28ª Região Administrativa a ser analisada pela Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios – PDAD – foi o Setor de Indústria e Abastecimento (SIA). A pesquisa foi divulgada pela Codeplan na tarde de hoje (02).

O Presidente da Companhia, Júlio Miragaya, afirmou que a RA possui características bastante peculiares por se tratar de uma região basicamente industrial e comercial, possuindo poucos domicílios – apenas 481 – e, consequentemente, população pequena, de 1.788 pessoas.

O SIA foi criado em julho de 2005 para abrigar pequenas indústrias e depósitos. Com o tempo, tornou-se um importante polo logístico. Conta com um terminal rodoviário de cargas e uma estação rodoferroviária que ajudam a distribuir bens e produtos fundamentais para o Distrito Federal.

Segundo Elza Franco, técnica da Diretoria de Estudos Urbanos e Ambientais da Codeplan, o desenvolvimento da região trouxe efeitos positivos e negativos. A falta de padrão arquitetônico, a carência de urbanização e o déficit de vagas de estacionamento na RA são alguns dos efeitos colaterais do crescimento. Por outro lado, atualmente a região conta com equipamentos públicos de segurança e um forte setor comercial. A Feira dos Importados, o Ceasa, além de várias concessionárias automotivas, lojas de materiais para construção e escritórios executivos estão sediados no SIA.

Mesmo possuindo um amplo comércio, a RA ainda é bastante dependente de outras regiões. A população do SIA geralmente se desloca ao Plano Piloto para adquirir bens e serviços, com predominância para as áreas de Cultura e Lazer (56,63%), Eletrodomésticos (45,18%) e Serviços Pessoais (31,33%). A forte dependência da região também é notada nas áreas de Educação e Saúde. Apenas 20,26% dos alunos estudam na própria RA. O SIA não possui hospitais ou postos de saúde públicos, obrigando a população dependente desse tipo de serviço a se deslocar às outras regiões.

Iraci Peixoto, coordenadora da pesquisa, explicou que os habitantes da RA estão concentrados, principalmente, no Setor Militar. O sistema de abastecimento de água e energia elétrica pela rede geral estão universalizados na região. As famílias apresentaram uma alta renda domiciliar, com R$ 5.830,00 de média mensal. 94% dos domicílios possuem pelo menos um automóvel, número bastante significativo, assim como a quantidade de bicicletas, presente em 54,82% das residências.

Em sua fala, o diretor de Estudos e Pesquisas Socioeconômicas da Codeplan, Jusçanio Souza, destacou as particularidades do SIA. Para ele, os dados revelados pela PDAD evidenciam que a estrutura da RA a distingue de todas as outras. Raul Melo, diretor de Planejamento e Ordenamento da Administração Regional do SIA, explicou as principais atividades do órgão. Segundo ele, a Administração atende principalmente às demandas dos comerciantes e empresários da região, que são mais numerosos do que a própria população.

No debate entre os especialistas e o público, outras características do SIA foram comentadas. O Presidente Júlio Miragaya lembrou que a região é a primeira a já ser pesquisada que não apresentou o Nordeste como principal origem dos imigrantes. A imigração veio predominantemente do Estado do Rio Grande do Sul. Talvez isso explique o fato de a segunda maior torcida da RA ser do time do Internacional, ficando atrás apenas dos flamenguistas. O certo é que o SIA é uma região atípica e fundamental para o desenvolvimento de Brasília.

Veja o estudo completo aqui

Texto: Júlio Poloni
Foto: Toninho Leite 

CODEPLAN - Governo do Distrito Federal

Companhia de Planejamento do Distrito Federal

Setor de Administração Municipal - SAM, Bloco H, Setores Complementares - CEP: 70.620-080 - codeplan@codeplan.df.gov.br